20 dicas para poupar água

Sábado, 8 de Janeiro, 2011
   

Como já havia sido referenciado anteriormente, a água é o recurso mais importante na sobrevivência dos seres vivos. É devida a essa importância, que a poupança da água não se baseia, apenas, numa questão económica, mas também numa questão ambiental, na medida em que é necessária uma gestão sustentável deste recurso para que todos possam usufruir dele e por muito tempo.

dicas para poupar agua

1. Nunca deixe torneiras ligadas, se não estiver a fazer uso delas.

É importante evitar gastos de água desnecessários, por isso certifique-se que desliga as torneiras, após fazer uso delas.

2. Evite deixar as torneiras ligadas por muito tempo.

Aposte na eficácia ao lavar as mãos ou tomar banho e evite demoras, que levarão a gastos desnecessários.

3. Tome duche, em vez de banho de imersão.

Um duche consome entre 30 a 80 Litros de água, ao contrário de um banho de imersão/banheira que pode atingir os 200 Litros de água.

4. Mantenha a torneira fechada, enquanto lava os dentes.

Desligue a torneira, enquanto lava os dentes ou faz a barba, pois, provavelmente, não estará a fazer uso dela.

5. Lave a roupa na máquina, apenas se tiver a carga cheia.

Aguarde até ter roupa que chegue para encher a máquina de lavar. Desta forma, pode reduzir o número de lavagens e poupar muita água.

6. Se tiver poucas peças de roupa para lavar, lave-as à mão.

Quando as peças de roupa são escassas e não chegam para encher uma máquina, opte por as lavar à mão. Se não o fizer, estará a gastar mais Litros de água do que aqueles que são necessários.

7. Utilize a máquina ou uma bacia com água para lavar a loiça.

É possível poupar alguns litros de água lavando a loiça na máquina ou numa bacia, em vez do método tradicional da água corrente.

8. Lave a loiça na máquina, apenas se tiver a carga cheia.

Tal como no caso da roupa, é preferível lavar a loiça na máquina apenas quando esta estiver cheia, pois evita que vários Litros de água estejam a ser usados em vão. De outra forma, opte por lavar a loiça à mão, numa bacia.

9. Reduza o depósito do autoclismo, colocando uma garrafa cheia no seu interior.

Ao colocar uma garrafa cheia (de água ou outro material) dentro do autoclismo, está a ocupar espaço que poderia ser constantemente ocupado por água. Desta forma, está a evitar utilizar mais água, para a mesma descarga.

10. Aproveite a água das limpezas para a sanita.

Aproveite a água que utiliza para efetuar limpezas (como a lavagem da roupa, do chão ou outras superfícies), como substituto do autoclismo. Assim, está a usar a mesma água para duas tarefas diferentes.

11. Repare canos ou torneiras que pingam constantemente.

As fugas de água provocadas por canos rompidos ou torneiras obsoletas, podem ser responsáveis por uma grande acumulação de água desperdiçada.

12. Utilize redutores de fluxo ou torneiras e chuveiros economizadores.

Ao utilizar redutores de fluxo ou torneiras e chuveiros economizadores, está a utilizar menos água, em diversas tarefas domésticas, para o mesmo efeito, aumentando assim a sua eficácia.

13. Utilize a água da torneira ou de garrafões para consumo.

Se a água proveniente da torneira de sua casa for própria para consumo, aproveite-a para encher as garrafas mais pequenas. Se não o for, utilize os tradicionais garrafões de 5 Litros. Desta forma, não só estará a poupar muito dinheiro, como a evitar a produção de mais resíduos.

14. Aproveite a água do chuveiro, enquanto espera que esta aqueça.

É muito comum deixarmos o chuveiro ligado enquanto esperamos que a água aqueça. Este acto é responsável pelo desperdício de água limpa que não teve qualquer utilidade. Utilize um balde para guardar essa água e posteriormente aproveite-a para fazer limpezas, para o autoclismo ou para regar o jardim

15. Controle regularmente os gastos de água.

Através de uma análise regular ao contador ou à fatura da água, pode detetar se existem anomalias ou aumentos relevantes e, posteriormente, corrigir algum comportamento incorreto.

16. Lave o carro com balde e esponja, em vez de mangueira.

Durante a lavagem do carro com a mangueira, está a desperdiçar muita água em relação à pequena quantidade de litros presentes num balde.

17. Limpe os pavimentos exteriores a seco, sempre que possível.

Utilize a vassoura para a limpeza do seu pátio, terraço ou outro pavimento externo, em vez da lavagem com a mangueira.

18. Regue o seu jardim/quintal à noite ou de manhã e em pequenas quantidades.

Nas as horas de maior intensidade solar, parte da água utilizada na rega terá como destino a evaporação, sendo completamente inutilizada. Grandes quantidades de água, são também desnecessárias na rega, pois a planta apenas absorve pequenas quantidades.

19. Opte por regar o jardim com o regador.

Ao regar o jardim com o regador em vez da mangueira, estará a conferir mais eficiência à água que utiliza, gastando menos água.

20. Faça proveito da chuva!

A chuva é “dinheiro que cai do céu”. Se aproveitar a chuva com reservatórios ou baldes, pode receber muita água gratuitamente para enumeras tarefas, tais como a rega do jardim, limpezas domésticas, lavagem do carro ou até mesmo como substituto do autoclismo.

Quais destas técnicas e dicas já usava anteriormente?